5 de janeiro de 2011

sobre os quixotes e sanchos

"Gostamos, é claro, que nos chamem de ardentes Quixotes, por nos batermos por causas nobres e generosas, que Sanchos, por sermos sensatos, tímidos e prudentes. É que a dose de loucura que todos possuímos se envergonha de sermos covardes."

Acabada de ler a obra, a análise e o resumo, concluo que agora entendo o que é um Clássico.

1 comentário:

NUNKII disse...

vá... são aqueles que nos falam de verdades universais de uma forma que parece ser a única forma possível mas que nós nunca iríamos transmitir tão bem, por muitos anos que vivêssemos e por muito que tentássemos apesar de nos parecer por demais óbvia e simple após lida ou reflectida pela boca mãos ou sinais de fumo de uma outra mente?

gostas do meu eivi-writingstyle?












vá... agora a sério:
o excerto apresentado é brilhante